Surdos da APÁS visitam a Câmara Municipal de Jaboticabal

A Câmara de Jaboticabal tem implementado nos últimos anos ações que garantem a acessibilidade. A última grande conquista foi a adaptação do Plenário para o público surdo e a janela de Libras nas transmissões das sessões ordinárias, extraordinárias e solenes.

A Câmara Municipal de Jaboticabal recebeu na tarde dessa segunda-feira (09/10) alunos e representantes da Associação de Pais e Amigos dos Surdos (APÁS) para uma visitação guiada. O objetivo foi conhecer de perto o funcionamento do Poder Legislativo Municipal.

Recepcionado pelo diretor Técnico Legislativo, Luiz Carlos dos Santos, o grupo percorreu os gabinetes dos vereadores, os departamentos Administrativo e Legislativo, bem como o Plenário da Casa de Leis.


Visita aos departamentos Administrativo e Legislativo, com sinalização da servidora Virginia Antonino.

Santos ressaltou a importância da participação popular nas sessões e audiências públicas, e explicou que, caso um munícipe queira apresentar algum projeto ou falar sobre algum tema pertinente à comunidade, está à disposição a Tribuna Livre, um tempo concedido para os munícipes antes do início das sessões ordinárias. Para fazer o uso do espaço, basta se cadastrar no departamento Legislativo e aguardar deliberação do pedido para ser chamado.

Na visita ao Plenário, a monitora de Libras da APÁS, Alines Nunes, lembrou a todos que “foi em uma sessão ordinária, aqui no Plenário da Câmara Municipal, que foi aprovada recentemente a Lei que determina o Dia Municipal do Surdo”. Visivelmente admirados com a nova experiência, alguns fizeram questão de experimentar as cadeiras da Mesa Diretora. Foi o caso de Lucas Kaio, que não escondeu seu desejo: “No futuro eu irei sentar aqui”, pontuou ele.

O diretor do Legislativo ainda destacou aos visitantes as ações de acessibilidade que a Câmara tem implementado nos últimos anos. “A primeira adaptação foi a construção da rampa na entrada dos fundos da Câmara, o que possibilitou o acesso de cadeirantes, pessoas com deficiência física e idosos. Depois foi construída a rampa na entrada principal da Câmara e feita a instalação do elevador. E por fim, foram feitas as devidas adaptações aqui no Plenário, como vocês podem ver a TV ali, para que os surdos pudessem acompanhar as sessões contando com a interpretação simultânea”, explicou Santos.


Integrantes da APÁS conhecem o arquivo da Câmara.

Por sua vez, o servidor responsável pelo controle de processos da Câmara, Marcelo Magalhães, apresentou o arquivo e falou do modo correto de armazenamento dos documentos e a necessidade de um espaço adequado para a conservação do material.

[Esq. à dir.] Supervisora e monitora da Apás, Miucha e Aline, respectivamente.

De acordo com a supervisora da APÁS, Miucha Carregari, a visita à Câmara serviu como complemento de um projeto educativo realizado com os surdos, que neste ano teve como tema as “Eleições 2018, Voto Consciente”.

Segundo Miucha, o objetivo foi fazer com que os surdos possam entender o processo democrático, os partidos políticos e suas propostas. “Como produto final, decidimos chegar mais próximo da realidade visitando a Câmara Municipal, onde nossos surdos poderiam ter a oportunidade de vivenciar na prática o que aprenderam durante as aulas, conhecendo o papel do vereador, o Plenário, onde acontecem as votações, enfim, a importância da valorização do Legislativo, focando que a Câmara Municipal é um espaço de garantia de direito de cidadania”, finalizou a supervisora.

Aline concorda com a importância de “conhecer o trabalho legislativo, o lugar, pois muitos surdos não sabem realmente qual é o papel dos vereadores, como funcionam as leis... na prática, fica muito mais fácil de compreenderem", opinou a monitora.


Dr. Edu Fenerich saúda os alunos e representantes da APÁS. Durante todo o trajeto, os alunos contaram com a interpretação em Libras sinalizada pela servidora Virginia Antonino.

“Fico extremamente feliz em saber que a Câmara de Jaboticabal, hoje, está mais preparada para receber deficientes auditivos e pessoas com outros tipos de deficiência, possibilitando a todo cidadão jaboticabalense, de nascimento ou adoção, o acompanhamento das atividades desenvolvidas pelo Poder Legislativo a fim de garantir o acesso e oportunizar o exercício de cidadania”, avaliou o presidente da Câmara, Dr. Edu Fenerich (PPS), que o final da visita saudou os visitantes: “A Câmara estará sempre de portas abertas a vocês, para futuras visitas e participações”, convidou o Chefe do Legislativo.

AGENDAMENTO - Estabelecimentos de ensino e demais entidades que queiram participar de uma visitação guiada na Câmara Municipal de Jaboticabal, deve entrar em contato com a Secretaria da Casa pelo telefone (16) 3209-9477 para o agendamento.

Curta e compartilhe a galeria de fotos da visita na página da Câmara no Facebook.

Texto: Bruno Vinicius
Edição: Ana Paula Junqueira
Assessoria de Comunicação
(16) 3209-9478